Bacarelli

Bacarelli

BACARELLI   TRONCO   I – Salvador Bacarelli, provavelmente italiano, foi casado com Maria, nascida em 1863, filha de João Batista Leme  e Ana Gertrudes de Oliveira, neta paterna de Pedro Lourenço Leme e Emerenciana de Oliveira, neta materna de Manuel Alves de Oliveira Leme e de Gertrudes Maria de Oliveira. Sua sogra faleceu em 1876 e foi inventariada pelo cartório do 1.0 ofício de Amparo. Em 1887 Salvador Bacarelli requereu nos autos de inventário uma certidão para fins eleitorais.  (AJA, cx. 3, 10 of.)
Bicudo de Moraes

Bicudo de Moraes

BICUDO DE MORAES   TRONCO   I – Lauriano Bicudo de Moraes, já falecido em 1869, casado em primeiras núpcias com Ana Maria Cardoso, e depois com Francisca Maria de Jesus, gente de Socorro que migrou para o Amparo, teve: 1 – José Boava Cardoso, natural de Socorro, filho de Lauriano Bicudo de Moraes e Ana Maria Cardoso, o qual casou  no Amparo em 1864 com Dionísia Maria de Jesus, natural da Penha, hoje Itapira, filha de Joaquim Mariano Maciel e Eufrásia Franco de Godoy.  (CA-5:63). 2 – Lauriano Bicudo de Oliveira, filho de Lauriano Bicudo de Moraes e Francisca Maria de Jesus, casou no Amparo em 1867 com Eduarda de Moraes, filha de José Cardoso de Moraes e de Maria de Sousa. (CA-5:122v) 3 – Joaquim Bicudo de Moraes, de Socorro, filho de Lauriano Bicudo de Moraes, já falecido, … Continue...
Bruschini

Bruschini

BRUSCHINI   I – Ansano Bruschini  comprou em 1885 de Jesuíno Alves de Andrade, filho de Jacinto Alves do Amaral e de Justina de Cerqueira César,  a“Chácara do Ribeirão, casa e pasto, no subúrbio desta cidade” (Amparo).  (RIA, 4-C:459). Em 1900 ele era dono de um sobrado na rua do Riachuelo, que partia do Cemitério (o terreno deste cemitério é hoje ocupado pelo Instituto de Educação Coriolano Burgos) (EFA, 8). Ansano Bruschini faleceu solteiro.    2 – Américo Bruschini tinha um armazém na rua Visconde do Rio Branco, no bairro do Ribeirão, em 1900. (EFA, 86)   3 – Pedro Bruschini era padeiro em Amparo em 1882 (Atas, 4:89)
Bueno da Veiga

Bueno da Veiga

BUENO DA VEIGA   TRONCO I   I – Antônio Bueno da Veiga, casado com Maria Jacinta de Moraes, oriundos talvez de Campinas, foram pais de: 1 – Benedito, batizado no Amparo em 1839.  
Barbosa

Barbosa

BARBOSA   TRONCO I   1 – José Joaquim Barbosa, casado com Ana Maria de Jesus, oriundos de Bragança, eram proprietários de terras no “lugar denominado Camanducaia” em 1818, que haviam adquirido do Capitão José Pedro Pinto. Foram pais de: 1.1 – Francisca Maria, natural de Bragança, casada no Amparo em 1832 com Bernardo Bueno, também bragantino, filho de Leonel do Lírio José e Genoveva Pires do Prado; em 1867, Francisca Maria se casou com Joaquim Pereira Vidal, filho de João Pereira Vidal e Claudina Maria da Conceição, pois          Bernardo José Bueno havia falecido e sido sepultado na Capela da Boa Esperança. 1.2 – Vicente Lopes Barbosa, natural de Bragança, casado no Amparo em 1834 com Maria Francisca de Oliveira, natural de Campinas, filha de Antônio de Oliveira e Ana Francisca do Prado.   TRONCO II   II – … Continue...
Bicudo do Prado

Bicudo do Prado

BICUDO DO PRADO   TRONCO   I – Francisco Bicudo do Prado e Benedita Maria de Jesus, casal originário de Santa Branca, cujos filhos casaram no Amparo, tiveram: 1 – Rita Maria de Jesus, natural de Santa Branca, filha de Francisco Bicudo do Prado e Benedita Maria de Jesus, casou no Amparo em 23/9/1869 com José Pires de Godoy, natural de Bragança, filho de Francisco Pires de Moraes e de Francisca Bueno de Godoy. Foram testemunhas do ato João Pedro de Godoy Moreira e Paulino Xavier da Silveira. (CA-6:2:2v) 2 –  João Francisco de Sousa, de Santa Branca, filho de Francisco Bicudo do Prado e de Benedita Maria de Jesus, casou no Amparo em 1875, com Virgínia de Oliveira César, filha de Antônio José Pereira e de Gertrudes de Oliveira César (CA-7:14/14v) 3 – Gertrudes Maria da Conceição, de Santa … Continue...
Bueno

Bueno

BUENO   TRONCO I   O Tenente Manuel Antônio Bueno, casado com Gertrudes Maria, morador do bairro Camanducaia já em 1828, ocasião em que ele e sua mulher foram padrinhos de Ana, exposta em sua casa e batizada em Serra Negra, foi pai de: 1 – Maria Teodora de Jesus, casada em 1831 com Pedro de Lima Bueno, viúvo de Gertrudes Maria Franco (esta filha do Alferes José Joaquim Rodrigues e de Ana Franco Cardoso, neta paterna de Antônio Rodrigues do Prado e de Ursula de Siqueira, neta materna do Tenente José de Godoy Moreira e de Isabel Cardoso). Maria Teodora e Pedro tiveram: 1.1 – José, batizado em 1839; 2 – José Bueno, filho de Manoel Antônio Bueno e de Gertrudes Maria de Jesus, casou em Serra Negra em 1834 com Claudiana de Jesus, filha de Francisco de Paula … Continue...
Burgos

Burgos

BURGOS   1 – Dr. Coriolano Barreto de Burgos, natural de Lençóis, Bahia, médico, famoso cirurgião, diretor clínico do Hospital Ana Cintra durante décadas, casado com D. Eliza Lopes de Burgos, também baiana, moradores de Amparo já no final do século XIX. Dr. Coriolano foi também político, elegendo-se vereador em 1905. Foi um dos principais batalhadores pela criação do Ginásio Estadual de Amparo, hoje Instituto de Educação Dr. Coriolano Burgos. Coriolano e Eliza foram pais de: 1  – Dr. Carlos Afonso de Burgos, médico, também cirurgião, casado com Consuelo de Moraes, pais de: 1.1 – Dr. Carlos Afonso de Moraes Burgos, médico, casado com Benvinda Whitaker Alvim, ambos já falecidos, com geração. 1.2 – Dr. Orlando de Moraes Burgos, médico, ginecologista e obstetra, morador em Campinas, casado com Magali. 1.3 – Marta Burgos, casada. 2 – Dr. Cid Lopes de … Continue...
Barbosa Coelho

Barbosa Coelho

BARBOSA COELHO   TRONCO I   I – Augusto Barbosa Coelho e Firmina Maria das Dores, gente de Porto Feliz, foram pais de: 1 – Gertrudes Augusta Barbosa, natural de Porto Feliz, filha de Augusto Barbosa Coelho e de Firmina Maria das Dores, casou no Amparo em 1887 com Francisco Rodrigues Garcia, natural de Mogi-Mirim, filho do finado Jeremias Rodrigues Garcia e de Ana Maria da Conceição, sendo testemunhas Laurindo Pinto de Almeida e Virgílio Cardoso do Prado (CA-12:5v) 2 – Maria Augusta Barbosa, natural de Porto Feliz, filha de Augusto Barbosa Coelho e de Fermina Maria das Dores, casado no Amparo em 1887 com José Leite de Oliveira Bueno, filho de Modesto Antônio de Oliveira Bueno e de Maurícia Leite da Silva (CA-12:20v).  
Bicudo de Siqueira

Bicudo de Siqueira

BICUDO DE SIQUEIRA   TRONCO I   I –  A família Bicudo de Siqueira surgiu no Vale do Paraíba, onde um deles, Inácio Bicudo de Siqueira foi capitão-mor de Pindamonhangaba e se espalhou depois para outras regiões, inclusive para Amparo. Um de seus membros, Bento Bicudo de Siqueira, casado com Francisca (ou Floriana) Maria de Jesus, originários do Sul de Minas, teve: 1 – Domingos Bento da Silva, natural de São Bento do Sapucaí-MG, filho de Bento Bicudo de Siqueira e de Francisca Maria de Jesus, casou no Amparo em 1884 com Ana Maria do Nascimento, filha de José Maria Neto e de Francisca Maria de Jesus, sendo testemunhas Francisco Vieira da Rocha e Antônio Gomes Coutinho (CA-10:39) 2 – Caetano Bento de Siqueira, de São Bento do Sapucaí, filho de Bento Bicudo de Siqueira e de Floriana Maria de … Continue...